Tia Eron [BLOG OFICIAL]

É a Bahia no Coração

Deputada Federal Tia Eron repudia violência da PM contra jornalista

Deixe um comentário

002A deputada federal Tia Eron (PRB-BA) lamenta a agressão sofrida pelo jornalista Marivaldo Filho, editor de política do site Bocão News. O crime aconteceu durante a noite do último sábado (4), no Bomfim, quando o profissional de imprensa fazia fotos de uma confusão evolvendo policiais militares. Um dos agentes de segurança não gostou e espancou o jornalista. “Sabemos da importância dessa grande instituição chamada Polícia Militar do estado da Bahia e sabemos também que lá temos excelentes profissionais. Então não é possível que um dos membros da corporação saia da conduta e promova a violência ao espancar um cidadão”, disse a deputada.

Tia Eron ainda acrescentou que tanto o governo do estado, como o comando da PM devem investigar o que aconteceu. “O jornalista ficou de comparecer esta tarde na Corregedoria da PM para registrar a queixa, mostrar que não se intimida e que vai continuar realizando seu trabalho diário como um profissional dedicado”, encerra. A ação do policial que terminou na agressão do jornalista traz a tona novas discussões sobre a forma de abordagem da polícia nas ruas de Salvador. Inclusive, diariamente, a população reclama da maneira em que é abordada pela polícia.

Marivaldo contou que estava em uma confraternização quando percebeu uma confusão entre duas pessoas. Na ocasião, componentes de uma viatura da PM intercederam e ficaram a favor de um dos envolvidos que se identificou como policial e, em seguida, espancaram o outro envolvido que teve o rosto ralado no asfalto. Marivaldo Filho, como jornalista, decidiu registar à ação. Insatisfeito, um dos policiais determinou que ele apagasse as fotos e como se negou, foi espancado com socos na cabeça. Em virtude das pancadas, o profissional de imprensa não teve condição para digitar a senha do celular.

Além de atuar no site Bocão News, o jornalista Marivaldo Filho trabalha há mais de cinco anos na Secretaria de Comunicação da Câmara de Vereadores de Salvador. Em entrevista esta tarde na Rádio Sociedade da Bahia AM, ele relatou que foi agredido pelo policial porque não apagou as imagens feitas da ação desastrosa da polícia. O PM também pegou uma pedra e desferiu um soco no rosto do jornalista que sofreu oito pontos na cabeça.

Por Noel Tavares
Foto: Bocão News

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s