Tia Eron [BLOG OFICIAL]

É a Bahia no Coração

Tia Eron destaca importância de CPI na Câmara Federal que debate a violência contra jovens negros e pobres no Brasil

Deixe um comentário

Foto: Arquivo

Foto: Arquivo

A deputada federal e presidente do PRB-Bahia, Tia Eron, destacou a importância da instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara Federal, destinada a apurar as causas, razões, conseqüências, custos sociais e econômicos da violência, morte e desaparecimento de jovens negros e pobres no Brasil. Estatísticas mostram que 7 em cada 10 vítimas de assassinatos no Brasil são negras.

“A morte de nossos jovens negros e pobres atenta contra a civilidade, pois, certamente, a motivação está internalizada no ranço discriminatório de recorte racial, motivado pela melanina a mais da pele e a posição mais baixa na estratificação social. É grande o sentimento de indignação e revolta por sabermos que em pleno século XXI, tais fatos têm gênese no cruel e hediondo crime de ódio”, disse a parlamentar.

A primeira audiência pública, realizada nesta terça, na Câmara dos deputados, 12, trouxe um jovem baiano, Geovan Bantu, representante do Fórum Nacional de Juventude Negra de Salvador. “Essas mortes não têm valor, não comovem. Não chocam. O corpo de um jovem negro no chão é como se isso fosse normal. Da mesma forma que a gente acha natural um menino preto vendendo bala num sinal. A gente acha que aquele menino faz parte da paisagem, daquele cenário”, criticou. Movimentos sociais presentes no encontro compartilham da opinião de que o alto índice de assassinatos de jovens negros no Brasil se deve ao racismo. Eles também repudiaram à proposta (PEC 171/93) que reduz de 18 para 16 anos a maioridade penal.

Tia Eron destacou ainda a pertinência da audiência dessa CPI na semana do “13 de maio”, onde uma pauta de recorte racial é discutida em todo País. “Que esta CPI, ao final, seja capaz de chamar a atenção da sociedade e do Estado Brasileiro para o extermínio indiscriminado de nossa juventude negra, pobre e sofrida”, ponderou a deputada.

O colegiado de deputados criou uma comunidade virtual para debater o assunto. As pessoas interessadas em participar devem acessar a página edemocracia.camara.leg.br.

Por Aline Ramos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s